6.3.11

COMO O COSTUME.

O VITÓRIA apresentou-se no porto melhor do que tinha feito nos últimos jogos.
Equilibrou, por completo, a primeira parte e só não foi mais longe, durante este período, porque passeou-se um trio de "artistas" pelo campo, chefiado por um "cavalheiro", que anulou uma jogada, por fora de jogo, que só ele viu (às tantas não viu, porque, de facto, não existiu), quando um jogador Vitoriano se encaminhava isolado para a baliza azul.
Como os "cavalheiros" ficam sempre para o fim, já lá iremos.....
A segunda parte foi pior.
O porto jogou mais e o VITÓRIA, principalmente depois das substituições e da "mãozinha cavalheira", perdeu gás.
Ainda assim deixou uma impressão melhor do que a que deixara nos últimos jogos.
A continuar assim, a probabilidade de obtenção des resultados positivos acentua-se, mais a mais porque dificilmente seremos presenteados até ao final do campeonato por este "cavalheiros" ou pelo colega de terra Soares "gatuno" Dias.
A aguardar pelos próximos jogos que, com toda a certeza, serão decisivos.
Agora o "cavalheiro"!
O "cavalheiro", ao longo dos últimos anos, já apitou o VITÓRIA prái 100 vezes (é capaz de ser exagero. terão sido "só" 95 ou 96) e nunca me lembro do VITÓRIA ganhar algum desses jogos.
Aliás nos últimos jogos não só não ganhámos como dificilmente acabámos com 11.
Sintomático!
Não se percebe, pelo histórico, porque foi nomeado este árbitro, ainda por cima por ser da terra do clube contra quem jogámos, sabendo que existem prái mais 30 árbitros doutras terras do país?!?!?
É evidente que o "cavalheiro", desportivamente falando, é adepto do Vilanovense ou do S. Pedro da Cova e como tal a sua isenção é inquestionável.
A "imparcialidade" dele em campo percebeu-se muito bem.
Aliás os árbitros do porto, depois do corte de relações entre os clubes, têm prejudicado o VITÓRIA de uma forma tão evidente quanto lamentável (p.f. cfr. exibição do S "gatuno" D no jogo do ano passado em marrocos).
Na arbitragem de ontem gostava de perceber o seguinte:
Qual a diferença, no posicionamento, entre o jogador do VITÓRIA no tal lance da primeira parte e o avançado do fcp no lance do 1º golo?
Que falta cometeu o N´Diaye quando lhe foi exibido o 1º cartão amarelo?
Porque é que aos jogadores do VITÓRIA foram exibidos 7 amarelos (e um vermelho) e aos do porto apenas um e por protestos? Não sucederam entradas duras (que não violentas) de parte a parte?
Não se percebe a diferença no critério pois não?
E houve (mais) um pormenor fantástico do "cavalheiro".
Na falta de 2/3 minutos para o final, o VITÓRIA beneficiou de uma falta mesmo junto à área do porto e quando os jogadores do VITÓRIA, aproveitando o momentâneo desposicionamento dos jogadores portistas, se preparavam para marcar a falta de forma rápida, o "cavalheiro" prontamente colocou-se à frente da bola para impedir que a marcação da falta se fizesse de forma rápida, não fossem os jogadores Vitorianos marcarem o golo, que colocaria o resultado empatado.
Excelente.
Enquanto neste país existirem grandes e pequenos não vámos a lado nenhum.
OS MELHORES:
1. NILSON.
Mais uma soberba exibição.
2. N´DIAYE.
Ontem foi enorme até ser corrido do campo.
Promete muito e como é ainda muito jovem e nem sempre lhe vai aparecer um "cavalheiro" pela frente as suas exibições tendem a melhorar.
Vai fazer muita falta no próximo jogo uma vez que é claramente o mais sólido defensor Vitoriano.
3. TARGINO.
Foi quase sempre ele que puxou a equipa para a frente e esteve muito perto de inaugurar o marcador.
Às tantas de pouco valia.
Com "cavalheiros" como este nunca se sabe o que pode acontecer......

publicada por CASCAVEL @ 14:29  

3 Comentários:

  • Às 07 março, 2011 12:41 , Blogger Jeremias disse...

    Sobre Jorge Sousa creio que o CASCAVEL já disse tudo que havia para dizer.
    Registo apenas que mais uma vez teve de ser Manuel Machado a reagir publicamente. A direcção do clube optou,uma vez mais,por publicar um comunicado no site (nem na página de Facebbok do clube está e aí seria muito mais fácil divulgá-lo através de partilha)provavelemnte com a esperança que ninguém o leia!
    Quanto ao jogo.
    Estivemos melhor que na Luz(pior também era impossivel) e fizemos uma primeira parte de um nivel muito aceitável repartindo jogo com o Porto.
    Fizemos seis remates contra oito e houve equilibrio.
    Depois...o descalabro.
    Uma segunda parte muito mais fraca,em que não fizemos um só remate(!!!),e em que o Porto com a ajuda do "cavalheiro" e das substituições de MM acabou por ganhar com justiça.
    De facto MM é dificil de perceber.
    Ostraciza Targino na maior parte dos jogos e no dragão dá-lhe a titularidade e 90 minutos de jogo.
    Joga sem ponta de lança de raiz durante a maior parte do jogo e utiliza Toscano numa posição de falso ponta de lança.
    Fruto da "exemplar" gestão desportiva da direcção ,que vendeu Ricardo sem cuidar de encontrar substituto,viu-se obrigado a utilizar Cleber como central.
    Mas a maior das surpresas esteve mesmo nas substituições.
    AO tirar Toscano e Jorge Ribeiro,que estavam a exibir-se razoavelmente bem,MM perdeu posse de bola e o equilibrio de meio campo onde esses jogadores actuavam a deigual para igual com os médios adversários.
    João Pedro foi mais uma vez completamente inoperante (incrivel este jogador ter vindo e incrivel ainda se insistir nele)e nada acrescentou á equipa.
    Rafael teve,apesar de tudo, outra postura e é jogador para apostar mas tenho sérias duvidas que fosse este o jogo ideal para ser lançado.
    Afinal há um mês ainda jogava no Lousada.
    Conclusão ?
    Como diz o CASCAVEL foi "...como o costume...".
    Os melhores:
    1)Nilson
    2)N´Dyaie
    3)Cleber

     
  • Às 07 março, 2011 15:26 , Blogger CASCAVEL disse...

    Meu caro JEREMIAS,
    Não me parece que, desta vez, tenha havido MM de menos.
    O que houve foi "cavalheirismo" a mais.
    As substituições pareceram-me adequadas.
    Foi evidente que os amarelos distribuídos aos jogadores do VITÓRIA condicionaram as substituições de MM (por ex. ao Jorge Ribeiro) como, de resto, mais tarde se comprovou com a expulsão do N´Diaye, a quem foram exibidos 2 amarelos em poucos minutos.

     
  • Às 07 março, 2011 15:44 , Blogger Saganowski disse...

    Realmente é...o costume!

    Desta vez gostei (e muito!) de ver o Vitória jogar! Este sim é o "meu" Vitória! Rápido, forte, sem medo do adversário, a jogar para a frente e a furar pelas laterais a toda a velocidade!
    Este "meu" Vitória jogou bem, jogou o jogo pelo jogo e não teve medo do Porto. Teve (e com razão) medo foi do "cavalheiro" do apito. Mas, também não era para admirar! Com a forma como foi distribuindo cartões amarelos, o tal "cavalheiro" foi coartando aos jogadores a calma e o discernimento para poderem discutir com valentia os lances e continuar a lutar de forma igual com o Porto. A ganhar jogos assim, também o Vitória era campeão!

    É claro que não estou a dizer com isto que o Porto não tem mérito na vitória! Tem-no, é um facto. Mas teria sido bem mais difícil para o Porto ganhar e, provavelmente, repetir-se-ia o resultado da primeira volta, se não tivéssemos sido "empurrados" para fora do jogo com tanto cartão amarelo mostrado com critérios muitíssimo dúbios.

    Quanto ao resto, umas palavrinhas do Presidente ou de alguém em seu nome na conferência de imprensa ou na zona mista teriam sido bem vistas e seriam um aviso à navegação...
    Assim, ficou mais uma vez a defesa do clube a cargo dos seus funcionários Manuel Machado e Nilson.
    Mas se calhar até é melhor assim...Pelo menos eles tem sangue vitoriano nas veias!!!

    Os melhores:
    1. Nilson (mais uma exibição a justificar a opinião generalizada de que é o melhor guarda-redes da Liga Zon Sagres.)
    2.N'Diaye (mais uma exibição cheia de acerto e força do "Tarzan". Tem lugar de caras no onze, desde que não haja "cavalheiros" habilidosos a descobrir faltas merecedoras de expulsão onde ninguém vê nada!)
    3.Targino (Mais uma prova de que o lugar dele é em campo, a pôr em pânico as defesas contrárias).

    Mais uma vez, gostaria de destacar MAIS UMA declaração à comunicação social da parte de Nilson, a mostrar que também ele gostou de ver o Vitória a jogar e a motivar os colegas e os sócios, dizendo que a jogar assim como neste jogo, dificilmente voltaremos a perder esta época! QUE ASSIM SEJA!!!

     

Enviar um comentário

Efectuar comentários é absolutamente livre, neste blogue. Não serão, no entanto, admitidos insultos aos seus membros ou ao Vitória Sport Clube.

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

 

Locations of visitors to this page