5.5.10

Quem nasce para dar 8...

Os adeptos estiveram presentes aos milhares.
Foram os únicos que cumpriram.
A equipa,como agradecimento,brindou-nos com mais uma exibição miserável em que pouco ou nada fez para garantir desde logo o apuramento europeu.
E ainda conseguiu a proeza,mais uma, de ficar de uma assentada sem quatro jogadores para o decisivo confronto com o Maritimo.
O treinador do Sporting,indevidamente sentado no nosso banco,esse ofereceu-nos mais uma sessão de alheamento do jogo, de indecisão nas substituições, de indisfarçável enfado por ter de cumprir mais aquela obrigação.
Provavelemnte terá passado mais tempo a pensar na viagam a Lisboa, no dia seguinte, para tratar com Costinha dos assuntos que realmente lhe interessam.
A direcção essa continua cega,surda e muda.
Vieram os 600.000 €,que é a unica coisa que realmente lhe interessa, e o resto não importa.
Nem a fraquissima qualidade exibicional da equipa, nem a falta de profissionalismo do "lagarto" que a dirige,nem a forma como o Vitória foi achincalhado neste processo pelo Sporting e pelo treinador.
Muito menos um apuramento europeu preso por arames quando devia estar confirmado há muito.
Em Vila do Conde o resultado acabou por ser lisongeiro.
Porque a equipa que mais fez por ganhar foi mesmo o Rio Ave.
Que esta época em jogos oficiais com o Vitória tem um saldo amplamente positivo.
Os melhores:
1) Nilson
2) Gustavo
3) Bruno Teles

publicada por Jeremias @ 17:48  

0 Comentários:

Enviar um comentário

Efectuar comentários é absolutamente livre, neste blogue. Não serão, no entanto, admitidos insultos aos seus membros ou ao Vitória Sport Clube.

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

 

Locations of visitors to this page