3.11.04

Estão à espera de que?

Começo, inevitavelmente, por parabenizar os ideologos e mentores do projecto de criação de um blog sobre o maior clube do mundo, ou melhor, como eu costumo dizer o maior clã do mundo, porque considero o Vitoria não apenas um clube mas uma verdadeira familia. O Vitoria não é um clube é um clã.
Apesar de considerar que somos uma verdadeira familia, é natural existirem vozes e opiniões contrarias ou discordantes sobre o quotidiano da nossa familia vitoriana, assim como acontece em todas as familias. No entanto, apesar de considerar que todos são livres de emitir opiniões ou juizos de valor, o que irei tentar fazer a seguir é uma analise objectiva do momento actual do nosso Vitoria nas mãos do Prof. Manuel Machado, que entendo, ai sim uma opinião pessoal, como uma pessoa sem capacidade para o cargo que ocupa.
1º - A construção da equipa:
O plantel do Vitoria é claramente um conjunto desiquilibrado, com abundância de jogadores de qualidade em determinadas posições e um defice incomprensível noutras. Dai a primeira pergunta que desde logo me assola: Saberia o Sr. Prof de ginástica, treinador de futebol em part-time, qual o modelo que pretendia implantar no Vitoria? A resposta é naturalmente negativa. Quando pegou na turma vitoriana o Sr. Prof. não sabia qual o modelo de jogo que pretendia implantar, pelo que dai começou desde logo tudo de forma errada. Contratou o Clube o Dragoner, o Turra e regressou o Moreno, incluindo o plantel a partida o Medeiros e o Cleber. Na minha opinião são todos eles bons jogadores, mas só faz sentido ter assim tantos jogadores nessa posição se eventualmente estivesse o Prof. de Ginástica a conjecturar um esquema de 3 centrais, esquema no qual teria ainda o R. Matias sobre a esquerda. No entanto, com o decorrer do tempo esse nunca foi o esquema utilizado pelo treinador em part-time.
Mas poderá o Manuel Machado dizer assim: Ouve lá oh Pedro Barbosa, tu não entendes nada disto pá, então o Moreno não é defesa central, ele é trinco. Então ai o problema adiantava-se para o meio campo onde além do Moreno, temos o Alexandre, O Flávio, o R. Ferreira e o próprio Braúlio que dada a sua voluntariedade joga muito bem como médio de cobertura.
No lado direito da defesa o problema de construção da equipa também se pode colocar. À chegada do Sr. Prof. o Vitoria tinha um jogador nessa posição, ou seja, o Bessa que como todos sabem é um lateral direito que ataca razoavelmente bem mas defende mal. Como a equipa deve ter pelo menos dois jogadores por posição, haveria necessidade de contratar um lateral que defendesse melhor do que o Bessa. Mas, quem é que o Prof. de Ginástica fez questão de ter no plantel para essa posição? O Alex que, se ofensivamente poderá ter utilidade, defensivamente é uma lastima que chega a roçar o ridiculo porque não tem sequer sentido posicional quando a equipa esta a defender, criando extremas dificuldades à equipa. Acrescendo o facto de ser um jogador emprestado. Eu digo-lhe uma coisa Sr. Treinador em part-time o Alex eu não o queria nem dado.
Sabendo como eu sei, mas ele não deve saber, que o Vitoria tem em Felgueiras um jogador de grande qualidade que se chama Zezinho que ocupa exactamente essa posição.
Passando para o lado inverso da defesa, a contratação do Zé Nando é de rir, como aliás o próprio provou nas poucas vezes (felizmente) que jogou. Recordo principalmente os jogos contra o Moreirense e contra a Académica que até fazia pena vê-lo jogar.
Lembro só para os mais distraídos o nome de Jorge Ribeiro que se encontra no Gil Vicente e à epoca estava sem clube, que além da capacidade acima da média nas bolas paradas é jogador muito mais interessante que o Zé Nando.
Mas deixemos a defesa, que nem tem sido dos piores sectores da equipa (também outra coisa não seria de esperar jogando como a equipa o fez em algumas ocasiões que eles eram mais que as mães), e esqueçamos o problema baliza onde mora um Senhor que à muito deveria ter deixado o Vitória mais por outras razões do que propriamente as qualidades técnicas.
Avançemos para o meio campo... O lado esquerdo... Ai que saudades de Roldões e Silvinhos. Temos nessa posição um jogador apenas de nome Djurdevic e mais ninguém... Este é um facto inquestionável. No lado direito temos o Marco Ferreira e eventualmente o Alex, dois jogadores de caracteristicas similares, ou seja, não valem nenhum.
No centro do meio campo ofensivo, temos o Nuno Assis, o Luis Mário e esse desconhecido Orahovac, que eu nem sei se ele é esquerdo, direito, ou não é nem uma coisa nem outra e o seu forte seja o jogo de cabeça (no sentido de nos dar a nós uma dor de cabeça). Mas o mais inacreditável é que acredito que nem o Prof. de Ginática saiba quem é esse moço que nunca foi sequer convocado. Façamos pois de conta que esse nem sequer existe, pois o n.º da camisola que enverga até me dá vontade de chorar e deve ser mesmo muito fraco.
Fixemos então na dupla Nuno Assis/Luis Mário. O Nuno Assis todos conhecemos, é sem duvida o melhor jogador da equipa, que transitou da temporada passada. O Luis Mário que a maioria não o conhece, mas que eu com os meus conhecimentos futebolisticos além fronteiras incluindo as terras de Vera Cruz, posso lhes dizer que é um excelente jogador. E como excelente jogador que é, é pago a peso de ouro, custa uma pequena fortuna ao clube. Agora a pergunta que deixo é... Tendo o Vitoria um jogador como o Nuno Assis, titular indiscutivel, não deveria carrear essa pequena fortuna para a contratação de um ala esquerda que com o Djurdevic complatasse o quadro? Ou o Sr. Prof. tinha em mente jogar com os dois no meio? Mas, ai o sistema a utilizar teria de ser os 3 centrais com dois laterais bem ofensivos e o centro do terreno ofensivo com os dois Nuno e Luis. Eu concluo por ele (Treinador em part-time) - Oh meu caro idolatrado Pedro Barbosa eu não sei bem o que quero...
E o ataque... Temos o Silva, o Romeu e o..., nem vou dizer o nome desse porque nem para os treinos de conjunto serve. Ah... já me esquecia do Rafael que quando recuperar pode ser uma pedra importante. Como jogar? Um avançado, dois avançados? Eu saberia como jogar, o problema é que ele (Prof. de Ginástica) não sabe... O certo, e porque de momento tratamos da construção do plantel, o Vitoria necessitava de mais um ponta de lança de raiz, porque todos sabemos as limitações na finalização do Romeu apesar de ser muito combativo, e por outro lado as limitações fisicas constantes, que já não são de agora, do Silva, além do facto de ser mais um jogador emprestado. O outro... o outro nem conta.
Quem criticava os facto do Vitoria ter jogadores emprestado?
Por tudo isto é pois um rol de erros na construção da equipa. Erros de quem não sabe sequer o que quer... E porquê isso? Porque na minha opinião ele não entende nada disto...
E como estamos a começar, por agora fico-me pelo ponto 1, mas em breve virá mais, nomeadamente o modelo de jogo do Sr. Prof. de Ginástica treinador em part-time e as suas escolhas do onze inicial e até as convocatórias, o discurso que ele utiliza, e por fim os factos.
VIVA O VITÓRIA

publicada por Pedro Barbosa @ 13:01  

8 Comentários:

  • Às 03 novembro, 2004 16:16 , Blogger CASCAVEL disse...

    Meu caro P. BARBOSA,
    Antes de mais é com gosto que vejo chegar aquele que, para mim, foi o MELHOR jogador que vi actuar com a camisola do VITÓRIA.
    Quanto ao resto... estou estupfacto.
    Então não é o TREINADOR DO VITÓRIA responsável pela chegada de jogadores como Dragoner, P. Turra,Moreno, Alexandre, Bráulio, L. Mário, M. Ferreira e Silva. E os memos não são, efectivamente, jogadores de qualidade?
    Com provas dadas no nosso e noutros campeonatos?
    E terá sido MM o responsável pela vinda para Guimarães do tal jogador que nem para os treinos serve?
    E foi responsável pela saída do Abel?
    E, corrijam-me se estiver enganado, será que no ano passado, por esta altura, jogaríamos melhor do que fazemos agora ou, porventura, teríamos mais pontos?
    Qual era, nesta altura, o nosso adversário na Taça de Portugal? Relembro que jogamos, em casa, com a Naval...
    Relativamente aos salários dos jogadores, confesso o meu desconhecimento mas, que diabo, é possível ter bons jogadores "a preço da chuva"?
    Responda quem souber (quizer).....
    Quanto às lições tácticas, agradecendo, esperámos por novidades.
    Saudações Vitorianas.

     
  • Às 03 novembro, 2004 16:41 , Blogger ABREU disse...

    Fico satisfeito, pois a cada minuto que passa entra um novo vitoriano para este blog.
    No que diz respeito, ao treinador do vsc permite-me discordar parcialmente da tua opinião, uma vez que, uma equipa perfeita também tem de ter solidez defensiva.
    O problema reside no facto de o Prof de Ginástica como tu gosta de apelidar , não ser minimamente audaz, se reparares o nosso vitória tem de sofrer primeiro um golo e só depois é que reage.
    Depois de sofrermos o 1º golo, o vsc começa a ganhar outra capacidade ofensiva normalmente fruto das alterações.
    No que diz respeito aos jogadores emprestados, nunca foram nem nunca serão uma solução numa equipa que pretende ser ambiciosa, serve apenas os interesses dos ditos grandes, que utilizam clubes da primeira liga como de seus clubes satélites se tratassem.
    Quanto à aquisição do Luís Mário, pode até ser acertada se estiverem a pensar vender o Nuno Assis.
    O contrato termina este ano e poderá ser esse o motivo da aquisição do LM, de outro modo serei obrigado a concordar contigo, dois jogadores com as mesmas caracteristicas no mesmo plantel e tendo em conta que um deles carrega demasiado o orçamento do vsc, não é um critério acertado.

     
  • Às 03 novembro, 2004 17:04 , Blogger Pedro Barbosa disse...

    Meu caro Cascavel:
    Antes de mais queria lhe dizer que o Sr. devia ter pensado 2 vezes antes de utilizar o nome da nossa maior glória de todos os tempos. Porque esse homem era um craque com muito futebol de qualidade e o Sr. de futebol não entende nada. Desculpe a frontalidade, mas Sr. entende tanto de futebol como eu de suinicultura. Alás, penso até que o nome que melhor lhe encaixaria neste momento seria o de Carlos Carneiro.
    Quanto ao seu comentário quero lhe dizer o seguinte:
    1º - Eu não disse que esses jogadores não são de qualidade, agora o que Sr. não pode ter é 10 defesas direitos de qualidade e ter 2 extremos fracos ou até em algumas posições não ter ninguém.
    2º - Se o jogador é fraco, como o é de facto, a obrigação do Sr. Prof. de ginástica treinador em part-time era dispensá-lo como fez com o Afonso Martins ou então nem sequer o convocar como fez com o Braúlio e como faz com o Alexandre e com esse tal de Orohovac.
    3º - Quanto ao Abel é sem duvida um jogador de qualidade que com o Bessa se completavam bem. Mas se o Abel saiu a obrigação dele era arranjar alguém à altura, porque jogadores não faltam e não exigir, como se do Maradona se tratasse, um jogador como o Alex.
    4º - Quanto ao passado... o passado já la vai e pensei que o Vitória agora era para ser diferente. Mas pelos vistos o Sr. esta satisfeito com os resultados.
    5º - Eu não critiquei os salários dos jogadores, ou então o Sr. não sabe ler. O que eu disse é que pagar uma pequena fortuna ao Luis Mario não era boa estratégia, porque era preferivel pagar esse salário a um jogador que efectivamente nos fizesse falta como um extremo esquerdo ou um ponta de lança, e não gastá-lo num jogador que ocupa a posição do nosso melhor jogador.
    6º - Respondi-lhe? Se não atingiu e compreendeu revela apenas a sua ignorância no tema futebol, algo que de resto não me surpreende visto o Sr. ser adepto de sofá, lugar alias ao qual o Sr. devia voltar definitivamente, porque de sócios como o Sr. o Vitória não precisa.
    Viva o VITÓRIA

     
  • Às 03 novembro, 2004 19:06 , Blogger PAQUITO disse...

    Porra!!!
    Se eu sabia que isto ser assim tão violento "antre" o povo vitoriano pois não me teria sequer inscrito...
    Ficam os meus lamentos.
    E aguardo a violência, mas certamente não a vou ler porque com tanta "sensibilidade" não vale a pena continuar a vir cá.

     
  • Às 04 novembro, 2004 15:33 , Blogger Gregório Freixo disse...

    Caro Paquito:
    Um breve comentário só para te dizer que os nossos craques Pedro Barbosa e Cascavel, são, na "vida real", para além de vitorianos de gema, grandes amigos. Eles não me levarão a mal se eu te disser que as "bocas" que mandam um ao outro são sobretudo fruto do bom humor que um e outro têm. Não há por isso que estar preocupado...
    Saudações vitorianas.

     
  • Às 04 novembro, 2004 16:09 , Blogger Pedro Barbosa disse...

    Meu caro Gregório Freixo:
    As suas palavras acerca do comentário do Paquito revelam a elevada ponderação que sempre pautou como capitão do ENORME, sempre com muita mestria ao longo dos anos.
    De resto, parece-me que este blog não foi feito para andarmos aqui apenas aos beijinhos e abraços uns com os outros. É normal, e na minha opinião até de salutar, a diferença de opiniões e aquelas caneladas de vez enquando até fazem bem. Aliás, o Sr. GF sabe bem o que isso é, porque além de grande capitão era também um grande caceteiro. rsrdrsrsrs...
    E o futebol é para o homens de barba rija, certo?
    De todo o modo, promovo a todos a elevação do Sr. GF a capitão deste blog.
    Viva o VITÓRIA

     
  • Às 04 novembro, 2004 16:29 , Blogger ABREU disse...

    Caro GF:
    São para ti os meus elogios desta semana sobretudo pelo o modo como tens pautado a tua postura neste blog, honrando o nome do velho capitão Gregório Freixo.
    Tens revelado uma sensatez, que eu admiro não como vitoriano mas como homem.
    Obrigado

     
  • Às 04 novembro, 2004 19:47 , Blogger Gregório Freixo disse...

    Meus amigos.
    Fico feliz pelos vossos comentários, que desde já agradeço. Assim como fico feliz pelo facto de o nosso blog estar a carburar a toda a potência. Fico quase tão feliz como quando marquei aquele penalti ao Aston Villa...

     

Enviar um comentário

Efectuar comentários é absolutamente livre, neste blogue. Não serão, no entanto, admitidos insultos aos seus membros ou ao Vitória Sport Clube.

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

 

Locations of visitors to this page