6.10.09

ABSOLUTAMENTE MISERÁVEL!

O jogo de ontem, disputado na Choupana, por uma equipa que mais parecia uma equipa de turistas do que por uma equipa profissional de futebol, constituiu a pior exibição de que me lembro ter assistido a uma equipa do VITÓRIA.
E já lá vão mais de 35 anos a ver futebol.
OS "FANTOCHES":
- Marquinho.
Se fosse eu a mandar nunca mais vestia a camisola do VITÓRIA.
Absolutamente execrável o desempenho deste "menino" que a única coisa que foi capaz de fazer em 45 minutos (como foi possivel tanto tempo em campo???????) foi um penalty digno de uma equipa de amadores e uma entrega de bola directamente para o adversário que deu origem ao 2º penalty.
Tudo o mais foi um desinteresse pelo jogo absolutamente gritante: não lhe vi um "carrinho", uma corrida prá frente, um gesto de solidariedade com os companheiros, um cruzamento ou um simples remate à baliza, ainda que distante do alvo.
E o pior é que estas actitudes em campo, deste autêntico "brinca-na areia", já se verificaram por variadissimas vezes, quer nesta temporada quer na anterior.
- J. Gonçalves.
Entrou aos 46 minutos e se tivesse saído aos 50 não era escândalo algum.
Ou arrepia caminho ou pode seguir o caminho do "brinca-na-areia".
- Nelo Vingada.
"Mesmo sem um treinador era impossível fazer pior" (palavras do "mister" no final do jogo). Não podemos estar mais de acordo.
Por isso parece que não resta outra alternativa que não seja a saída do prof. Vingada.
E o momento, por força da paragem por causa dos jogos da Selecção, é o apropriado.
Com um plantel de elevado nível, conquistar 6 pontos em sete jogos, ainda por cima com um "calendário" altamente favorável, é absolutamente inadmissivel.
Ainda por cima com exibições deploráveis, que envergonham não só o passado do clube com dos seus associados.
P.S. Estarei atento, como a imensa massa adepta Vitoriana, aos toques nas mãos dentro das áeras nos jogos em que o VITÓRIA vai disputar daqui em diante.
À setima jornada já nos assinalaram 4 penaltys, alguns deles altamente duvidosos, e nenhum a favor, alguns absolutamente evidentes.

publicada por CASCAVEL @ 11:54  

6 Comentários:

  • Às 06 outubro, 2009 12:47 , Blogger Jeremias disse...

    Não vi o jogo,apenas os resumos,pelo que não posso comentar.
    Nem votar para os menos maus em campo a avaliar pela descrição que o CASCAVEL faz da partida.
    Posso é estar inteiramente de acordo com ele em duas coisas:
    A estranha contabilidades das grandes penalidades totalmente a nosso desfavôr.
    E a enorme preocupação por ao fim de sete jogos (sendo cinco fáceis,um de média dificuldade e um dificil)termos apenas seis pontos.
    Sendo certo que num ou noutro jogo mereciamos melhor a verdade é que os pontos é que contam.
    E aí estamos muitissimo abaixo do que seria legitimo esperar.

     
  • Às 06 outubro, 2009 17:14 , Blogger Saganowski disse...

    Vi o jogo, mas mais valia que não tivesse visto, tamanha foi a irritação e revolta que senti…

    Como foi possível que aos 25 minutos já estivéssemos a perder por 2-0, sem qualquer tipo de reacção digna desse nome???
    Além do mais, quem viu o jogo nem sequer se lembrou que o Nacional jogou na quinta-feira e chegou à madeira na sexta, jogando de novo na segunda-feira, tamanha foi a força física (e também mental) dos comandados de Manuel Machado. Supunha-se que o Vitória, dão a previsível frescura física, impusesse o ritmo de jogo, mas afinal, fomos nós que andamos quase sempre atrás da bola!

    E já nem falo na infantilidade dos penalties, provocados por dois jogadores (Marquinho e Custódio) que acabaram por ser a maior surpresa, jogando (e muito mal) a titulares!
    Por falar em titulares, Milhazes no banco, outra vez???

    Na segunda parte, sem ideias, limitaram-se a fazer circular a bola, num relvado que estava em péssimo estado…
    Mas também, para a qualidade de futebol que se viu...
    Foi tudo tão mau, que até a transmissão da SportTV foi do mesmo nível! Em alguns lances as câmaras não chegavam aos cantos do campo!

    Os melhores:

    1.Nilson (se não se tivesse aplicado a fundo em alguns lances, tínhamos vindo de lá com uma derrota histórica!)
    2. Nuno Assis (no meio de tanta nulidade foi dos poucos a lutar a sério contra a maré)
    3. Targino (a luta e a disponibilidade de sempre, mas infelizmente o terreno não ajudou a grandes corridas…)

    E no próximo jogo em casa para a Liga recebemos o Sporting!
    Se na Direcção tiverem coragem para mudar de treinador, esta será a altura ideal!
    Se não souberem por onde escolher, posso dar já um nome: Carlos Carvalhal!

     
  • Às 06 outubro, 2009 20:22 , Blogger Edmur disse...

    Este comentário foi removido pelo autor.

     
  • Às 06 outubro, 2009 20:25 , Blogger Edmur disse...

    Ora bem, vamos por partes:

    - o onze inicial é inacreditável, desmarets a defesa esquerdo e Marquinho ( que estou careca de dizer que não é jogador nem para o carcavelinhos) a titular, depois custodio no meio( que saudades do joao alves). Por aqui já se ve o treinador que temos: Miseravel, fraco tacticamente.

    - Depois as substituiçoes, alguem já disse a este senhor que se intitula treinador de futebol que sem meio campo até pode ter 50 avançados que é igual ao litro????

    - Depois, como tenho vindo a dizer, temos uns alas que num caso é o jogador mais inconsequente que vi desde o tempo do Dominguez no Sporting, e noutro, que sabemos que qualidade não lhe falta, não consegue dar uma para a caixa Que se passará?

    - Outra curiosidade, é que estamos a pagar mais uma má gestao de inicio de época, de mau planeamento desportivo, tendo inclusive o Vitoria ( ou a sua direcção) despedido um treinador no defeso. Será que este ano vamos pagar mais uma serie de indemnizações a treinadores? Devemos ter muito dinheiro, a julgar por isto e por algumas aquisições que fizemos recentemente.

    - Vingada não tem condições para continuar, e só uma direcção com pouca clarividência insistirá neste senhor mais tempo.

    - assim, julgo que o menos culpado disto tudo é mesmo o senhor vingada, pois não foi ele que obrigou a direcçao a ir busca-lo às arábias.

    - De seguida temos o Sporting, depois vamos à academica, recebemos o LIDER Braga ( por muito que nos custe), vamos a belem julgo eu, recebemos os tripeiros, etc.. ou seja, por este caminho so vamos ganhar um jogo a meio de Dezembro.

    Enfim, salva-se nesta equipa o guarda-redes que tem estado absolutamente fabuloso, e o Nuno Assis, que a direcçao tem tentado vender a todo o custo.

    Para acabar, porque ninguem com responsabilidade vem explicar o caso do Sereno??? Que se passa com o Rui Miguel???

    Mais uma vez certamente iremos ficar sem resposta, mas em Março cá estaremos....

     
  • Às 07 outubro, 2009 15:43 , Blogger Jeremias disse...

    Só um comentário: é espantosa a forma como se arrasam jogadores do Vitória.
    Pelos vistos á excepção do Nilson e do Assis já ninguém vale nada.
    Coitado do Targino, coitado do Gustavo, coitado do Flávio,coitado do Roberto, coitados daqueles que até tem cumprido.
    Quanto ao inconsequente Targino deve ter sido essa,a inconsequência, a razão de Carlos Queiroz o ter pré convocado para os jogos da selecção A com Malta e com a Hungria...

     
  • Às 07 outubro, 2009 16:08 , Blogger CASCAVEL disse...

    Fiquei de tal forma "desnorteado" com a "exibição" da Choupana, que até me esqueci de nomear os melhores (ou, se preferirem, os menos maus):
    1-NILSON.
    Não tem responsabilidade alguma do descalabro que ia à sua frente.
    2-N. ASSIS.
    Como a restante equipa esteve absolutamente irreconhecível durante a primeira parte, aparecendo na segunda, ainda que a léguas daquilo que pode fazer, com 2/3 iniciativas que poderiam ter resultado num golo.
    3-TARGINO.
    Mesmo sem atingir o nível já demonstrado esta temporada (com o nível médio da equipa era dificil fazer melhor), teve, pelo menos, atitude dentro do campo.
    P.S. Há jogadores do VITÓRIA numa forma absolutaemnte miserável: Flávio, Cústódio, Alex, Moreno, Douglas e mais um ou outro.
    Apesar disso lutam, correm, trabalham, "resmungam com os colegas", e até demonstram um aspecto facial de "algum desespero" face ao que se passa dentro do campo.
    Esta (não) forma seguramente vai terminar daqui por 2/3 jornadas e então voltaremos a tê-los em pleno, ou seja, a jogar o normal de todos eles que é muito mais, incomparavelmente mais, do que aquilo que têm demonstrado até à data.
    O problema são os outros. Aqueles que não jogam nada e, para além disso, não demonstram sequer empenho, vontade, determinação e solidariedade para com os colegas dentro do campo.
    É para com estes últimos que vai a minha maior revolta.
    Por isso alguns deles não merecem vestir mais a camisola do VITÓRIA, porque não são dignos de a envergar.
    Vocês sabem de quem eu estou a falar.

     

Enviar um comentário

Efectuar comentários é absolutamente livre, neste blogue. Não serão, no entanto, admitidos insultos aos seus membros ou ao Vitória Sport Clube.

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

 

Locations of visitors to this page