9.3.10

NUNO ASSIS!

Numa altura em que a "campanha estarola", nos jornais, radios, tv´s, comentadores e clubes está em marcha, para "escolher" os jogadores que devem representar Portugal no próximo Mundial, cabe ao VITÓRIA e aos Vitorianos defender, por ser da mais elementar justiça, a presença do nosso "Mágico 10" nos 23 Lusos.
E foi isso que muito bem fez o treinador do VITÓRIA, no final do jogo de ontem, em que o N. Assis realizou mais uma fantástica exibição.
Na sequência de tantas outras efectuadas ao longo da temporada pelos estádios deste país.
A sua posição em campo deverá ser ocupada naturalmente pelo fantástico Deco mas, na falta deste, não se vê outro jogador Nacional com características idênticas que possa substituir a preceito o Luso-Brasileiro.
Daí que a convocatória do "10 Vitoriano" seja uma imposição.
O problema são os lobbys que, como se disse, já estão no terreno e em grande força.
Por isso aguarda-se uma luta complicada de travar e, acima de tudo, de vencer até á saida da lista dos 23 definitivos, porque o poder instituido no futebol Português não costuma dar tréguas na defesa dos seus (i)legitimos interesses.
As pedinchices englobam jogadores que jogam com regularidade, que jogam pouco e, pasme-se, até dos que praticamente não jogam....
O que importa é que os convocados sejam jogadores dos "3 estarolas".
Para que sejam vistos nas "montras" do Mundial e, no futuro, vendidos por quantias elevadas, que possam minorar os seus inqualificáveis defices financeiros.
No futebol Português, como é sabido, o ridículo é o limite.
E a campanha pela convocação dos estarolas não dá tréguas como, de resto, também se confirma com a vergonhosa onda "anti-Eduardo" que por aí anda, com o objectivo claro de convocar os guarda-redes do benfica (Quim), sporting (R. Patricio) ou fcp (Beto) em detrimento do melhor guarda-redes Português que, de forma brilhante, defendeu as "redes" Nacionais nos jogos decisivos no apuramento para África do Sul.
Espera-se, em nome da justiça, que o Prof. Queirós não caia na tentação de cair no "conto do vigário", porque se o fizer é a Selecção Nacional de Portugal que fica claramente a perder.
E nisto Scolari, como se impõe, era absolutamente intransigente e, por isso, teve o país inteiro a seus pés.
Ainda assim, eu acredito que o bom senso vai prevalecer e se assim for vámos ter, pela primeira vez, um jogador do VITÓRIA a representar Portugal num Campeonato do Mundo de Futebol.

publicada por CASCAVEL @ 12:27  

0 Comentários:

Enviar um comentário

Efectuar comentários é absolutamente livre, neste blogue. Não serão, no entanto, admitidos insultos aos seus membros ou ao Vitória Sport Clube.

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

 

Locations of visitors to this page